27 de agosto de 2018

H1N1 – Mas afinal, o que é essa tão temida gripe?

Nos últimos anos a chegada do Inverno não está mais associada somente com o frio, lembramos também da Gripe H1N1. Mesmo que a doença seja transmitida durante todo o ano é nessa estação que as epidemias acontecem, devido as baixas da temperaturas, diminuição da imunidade e convívio em locais fechados.
Mas afinal, o que é essa tão temida gripe?
A H1N1, também conhecida por Influenza tipo A ou gripe suína, é uma doença causada pela mutação do vírus da gripe comum. A transmissão ocorre de pessoa a pessoa, através de secreções respiratórias, como gotículas de saliva ou tosse e espirros, afligindo em sua maioria indivíduos entre 5 aos 24 anos, assim como grupos de riscos (gestantes, diabéticos, bebês, obesos e pessoas com problemas respiratórios anteriores).
Um dos maiores problemas da H1N1 é que mesmo sendo mortal, seus sintomas iniciais são semelhantes ao de qualquer gripe, o que dificulta o tratamento desde o início. Febre alta, tosse, dores musculares, espirros e coriza estão entre os indicadores da doença, mas o principal sinal e que precisa de maior acompanhamento é a insuficiência respiratória.
 
Porém podemos evitá-la com algumas simples ações:
– Vacinação: Assim como qualquer doença causada por vírus, a melhor forma de não contrair é se vacinando. A aplicação é feita de forma gratuita para os grupos de riscos na rede pública de saúde, mas também pode ser adquirida de forma particular.
– Lavar as mãos: A higiene é uma aliada da prevenção. Busque sempre que possível lavar as mãos com água e sabão ou álcool em gel.
– Não compartilhe objetos: Utensílios como toalhas, copos, talheres e travesseiros, devem ser somente de uso pessoal.
– Evite aglomerações: Locais com muitas pessoas e ambientes fechados são mais propícios para a transmissão do vírus.
– Mantenha hábitos saudáveis: Cuidado válido para toda a vida, mas sempre bom reforçar. Alimente-se bem e coma bastante verduras e frutas, beba bastante água.